Não dá pra ficar quieta com a bunda na cadeira!

Estamos cercados de incoerências, injustiças, desejos nada humano. Isso é uma realidade de todos os dias, lugares, pessoas.

Muitas pessoas pouco se importam com o sofrimento do outro, desde que “eu esteja bem”.
Ás vezes eu paro pra pensar (ou tento pelo menos) e perco a sanidade.

Tivemos há uns anos atrás um referendo sobre o desarmamento. Mas porque não tem um referendo pra saber se concordamos com aquelas medidas que o governo toma contra a crise? Porque não tem referendo pra saber se somos a favor ou contra das cotas? Porque não tem um referendo pra saber se somos a favor ou contra o aumento de salário dos políticos?

Desculpe, por um momento esqueci que somos uma platéia.

18 comentários:

Danna disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Danna disse...

Votar sobre Cotas? Aumentos de salários parlamentares?
Simplesmente não convêm a eles saber das nossas opiniões nesses assuntos, visto que muitos seriam contra às opiniões deles.

Daniel Maia Silveira disse...

Na antiga Roma, entre os aristocratas, usava-se a seguinte expressão: "panis et circenses", cuja tradução é "pão e circo". Para uma população sem estudos, a melhor maneira de manipulá-la era dando diversão e comida. Enquanto houvesse isso, o poder estava garantido.

Os poderosos no Brasil não fazem muito diferente e, mesmo assim, a massa continua repetindo os erros de sempre. O povão tem BBB e bolsa família, fica satisfeito e nem se preocupa em participar da vida política do país que continua - como sempre - nas mãos do mesmo grupinho.

Como diz aquela célebre frase: "Um país é feito de homens e livros". Dê educação ao povo, ensine ciência e dificilmente a classe dominante fará o que bem entende, porque quem detém o conhecimento, detém o poder.

A Dona disso aqui disse...

Porque de nada adianta para os 'coronéis mandantes' desse país que NÓS tenhamos voz ativa.
Aliás... o que os governantes querem é um povo burro, sem instrução e semi-analfabetos, (precisa apenas saber votar na urna, neles é claro).

Por que quando temos instrução, lutamos pelos nossos direitos, mas... já sabe né amiga??

Cristiane Marino disse...

Acho engraçado que ainda há quem diga que vivemos num país livre! O que a colega do blog "a dona disso aqui" disse é muito interessante, o governo vive fazendo propagandas sobre quantas crianças estã na escola e se vangloriam dizendo que x% entraram para escola, mas não divulgam que menos da metade chega na segunda série. Ah! é esqueci quem se importa com isso né?
Parabéns pelo seu blog! Adorei

∞Hamster∞ disse...

Te indiquei pra ganhar o selo "Olha que blog Maneiro". Dá uma olhada lá no meu blog pra ver as regras,
Abraços,
Hamster...
http://cabecasvaorolar.blogspot.com/

Léo disse...

Isso aqui é um pouquinho de brasil ai ai

Otimooo Nanda

Giane disse...

Oi, Ananda!

Acredito que os "artistas" do espetáculo não querem ouvir aplausos e muito menos vaias...

Beijos mil!!!

PS:Tem um presentinho para Você, lá no blog!

JoAnInHa disse...

Tens um prémio no meu blog =P
Passa por lá, e atenção ás regras! =)

beijinhos

Bella disse...

Votar pra quê,né? Estamos aqui só pra assitir mesmo...somos paenas marionetes, o que eles fizerem tá bom. Adorei o te blog, menina, ñ tem nada de inútil não!

Nayara Oliveira disse...

Ahh eu tbm me pergunto vários destes "porquês"...
Pensando, comigo: o referendo é uma forma, prevista na Constituição, de democracia direta, ou seja, a população que decide. Adotamos, por necessidade, a democracia representativa. Só que eu não me sinto representada, vc se sente? Os meus interesses não são defendidos. Somente os do que estão no poder. A constituição diz que "todo poder emana do povo" porém, pelo que eu vejo, todo poder acaba com o povo. Ninguém está preocupado com a nossa "inútil" opinião pq se decidirmos, terá que ser feito. Eles tem medo de perder o suposto poder... O barão de Mostesquieu já dizia, todo poder corrompe.


Gosto muito daqui
XD

Rodrigo Luz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rodrigo Luz disse...

Opa!

BAH...
Realemente não da pra se calar e dizer ta tudo uma maravilha...
mas é assim...principamlente por aqui...
o povo ve as coisas erradas..até se indigna..mas deixa pra la, acho que o raciocinio da maioria das pessoas,em fevereiro por exemplo , é assim: hum...o que decidiram la no senado??Hum.. sei...mas isso não me interessa.. e além disso amanha começa o carnaval...!


Mas acho..que é possivel...que num futuro um poco distante..a palteia se revolte..e faça a sua propria encenação!

sou novo no mundo do blog...procurando por ai ..achei este...e adorei!Sucesso!

Nana disse...

a questão do desarmamento poderia trazer conseqüencias catastróficas de repercussão internacional, então os nossos queridos parlamentares resolveram tirar o deles da reta. "vamos deixar essa bomba nas mãos da população. se eles se *oderem, a responsabilidade é deles mesmos". isso sem contar na quantidade de parlamentar de rabo preso com fazendeiros que usam de capatazes armados e com donos de fábricas de armas.
simples assim.

bjs

Diogo disse...

Acessem também:

BLOG CAFE DEBATE
Debates diários sobre temas do dia a dia.

http://cafedebate.wordpress.com

Caos Monitorizado disse...

Muito booom!
Acho seu blog útil...
Acho somos platéi mais se ficarmos parados continaremos a assistir o espetáculo calados.
Eles "Políticos" fazem o querem, tudo é interesse, plena manobra política.
Parabéns pelo blog!

Zinha Santos disse...

Nem adianta a gente reclamar hj em dia pq a maioria das pessoas, se ganhassem nas eleiçõs para presidente iriam fazer o mesmo, obrigar as pessoas a dar opinioes sobre coisas inuteis e fechar a discussão quando envolve melhorias. Quando a gente tiver finalmente a consciência que infelizmente o presidente não pode resolver pequenas coisas como uma briga entre vizinhos que acaba em morte, vamos parar de cobrar várias coisas que não deveríamos nem questionar, como porque existem mendigos nas ruas pedindo comida... Sim, existem coisas que a gente resolve com um real, mas um presidente não resolve com milhões de reais...
Boa postagem, gostei muito do seu blog!

ARCANO disse...

Voce é ótima!

Postar um comentário

Escrevo o que quero, sem medo de ouvir o que não quero.