Educação: Cadê?

Mais uma vez gostaria de expressar minha opinião – mesmo que não mude nada, afinal é uma OpiniãoInútil –sobre a educação brasileira. Se é que existe educação no Brasil.

Não vou mais discutir cotas e ainda não vou me referir a essa proposta de Vestibular Unificado, pretendo apenas discutir sobre educação. Você já parou para pensar o que é educação? “Aquilo que ensinam na escola”; “Aquilo que papai e mamãe me ensinaram”; “Falar obrigado, por favor, e etc”. Realmente, é um conceito difícil de ser dado, porém como dizia meu avô: Educação começa em casa, continua na escola e se prolonga por toda existência do ser humano.

E a educação que a família oferece para suas novas geração, como está? Aliás, onde está? Os pais andam muito ocupados para poder acompanhar seus filhos quando crianças, para ensinar a eles que quando se machucam os outros tem que pedir perdão, ensinar a guardar a própria bagunça, limpar a própria sujeira, lavar as mãos antes de comer e ao sair do banheiro, colocar as coisas de volta no lugar, não bater nas pessoas, andar de mãos dadas, olhar para um lado e para o outro antes de atravessar a rua, dar descarga após usar o banheiro e muitas outras coisas que aprendemos quando somos crianças.

Mas e hoje? Os pais ‘botam os filhos no mundo’ e coloca toda responsabilidade da educação dos mesmos nas escolas/creches. Um empresário está muito ocupado para ouvir seu filho, a mãe perua da socialight está muito ocupada em saber do chifre da sua amiga, um pai trabalhador da favela chega em casa muito cansado para ouvir o que seu filho tem a dizer (isso quando o filho conhece o pai).

Não importa classe social, raça, cor, religião, ou qualquer outra coisa que nos distingue um dos outros, a estrutura familiar está entrando em decadência. E o resultado disso é a nossa realidade política e social. Entretanto não é só a educação familiar que está em decadência, mas a escolar também.

Escolas são reformadas (nem todas), se constrói prédios exuberantes, enchem uma sala com computadores... São coisas que político adora fazer (Leia-se: engana bestas.). Muitos professores nem sabem ligar um computador, quanto mais usá-lo de forma que ajude realmente o aluno em sua aprendizagem. Recentemente vi uma pesquisa feita em escolas públicas do Chile, Brasil e Argentina, em que foi constatado que cerca de 70% dos professores que dão as primeiras séries do ensino fundamental estão entre os menos preparados.

Irônico pensar que é justamente nessa fase em que a criança recebe a base para aprendizado por toda vida escolar – ou pelo menos deveria receber. O risco de essas crianças serem maus alunos na faculdade é diretamente proporcional. Muitas vezes os alunos nem conseguem completar o currículo escolar – quando se tem um. Greves e professores faltosos são as maiores causas do currículo incompleto.

Não posso negar que houve avanço na educação brasileira. Consigo perceber apenas uma, que apesar da qualidade do ensino ser ruim a mudança é de relativa importância: Antes cerca de 95% das crianças não freqüentavam a escola, hoje apenas 2% não frequenta.

Enquanto isso o governo toma medidas rápidas, mas ineficazes. É o mesmo que tomar um analgésico para uma dor permanente.

18 comentários:

Moça do Fio disse...

Educação é bem mais amplo que o "bom dia" e que aprender as matérias ensinadas na escola.

Educação é ceder o assento do ônibus para o idoso, é não furar fila, é não jogar lixo no chão.

Enquanto não tivermos consciência de que o público é nosso, e não algo que deve ser deteriorado, não poderemos ser considerados pessoas educadas.

Beijo.

Nilson Vellazquez disse...

só proponho uma inversão no seu texto: na verdade, a família é reflexo da sociedade. Um sociedade individualista e extremamente ambiciosa, na qual o dinheiro é Deus.

Willian Vailate - O Rockeiro Canoinhense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jonathan Flexa disse...

Seu segue uma vertente ideal de criação de filhos. Não sei se há salvação para essas famílias que “botam filhos no mundo”. Mas por sua postura acredito que os seus descendentes serão muito bem criados.
Beijo.

Rodrigo Luz disse...

Educação, o que era pra ser a chave para o sucesso de um pais, no nosso caso é o maior problema!
Como tu disse, a base familiar esta em declínio. As escolas publicas, sem cometarios.Professores mal pagos, e na maioria sem preparo.SAlvo alguns que amam a profissão , o resto empurra guela abaixo dos alunos ,numeros, palavras e conceitos que eles nem sabem o que significam.
E nas faculdades particulares, eu sei pq ja convive com esta realidade,os professores passam a mão por cima dos alunos, e os erros , principalmente em relação a lingua portuguesa ,são horriveis.
Enfim, isto é realmente um "PROBREMA".

http://debaixodocogumelo.blogspot.com/

Bruno Gunner disse...

Olá garota tudo bem??
passeando por inúmeros blogs por aí eu cheguei ate o seu.
realmente a educação em nosso país é algo precário e é triste que nossos governantes poderiam fazer melhor e não o fazem.
Claro que tudo comeca em casa e os pais hoje(nao todos--gracas a Deus)nao estao se preocupando com toda aquela educação que eles (ou os pais deles)recebiam antigamente
infelizmente as coisas estao acontecendo assim
eu estava pensando em postar uma critica assim em meu blog,(já que o criei exatamente para colocar essas minhas opiniões críticas)e foi muito bom ler essa sua postagem
adorei mesmo saber que mais pessoas pensam como eu
assim que eu fizer essa minha postagem eu posso linkar a sua??claro que colocarei todos os creditos a voce(lógico)
pensei em escrever o que eu já tinha em mente e completar meu post com seu texto(através do link)pode ser?
aguardo uma autorizacao sua
bjuss e muito bom seu blog
parabéns

Bruno Gunner disse...

Muito Obrigado
sucessos
bjus

Lombardi* disse...

educação é algo que poucos tem infelizmente!

Inez disse...

Ananda já coloquei a resposta da sua pergunta no meu blog.
obrigada pela visita.

Ramon Tardin disse...

Devo dizer que estou embasbacado com a perfeição deste texto!

Ananda, não tenho palavras!
Parabéns!!!

No meu blog tem um texto que trata do mesmo tema. Depois dá uma olhada lá!

Abraços!
Ramon Tardin

Ramon Tardin disse...

Só uma crítica: Creio que sua opinião não é inútil!!!

Na verdade, isso é um elogio!

Bruno disse...

Acho que devemos pensar em qual seria o papel da família no mundo contemporâneo, dado que a família não é simplismente a base, mas também um efeito do contexto histórico em questão. Abrem-se novas formas de vida, criação e educação. Como aproveitar a tecnologia em prol de tudo isso... e pensar também em como o mercado de trabalho rouba nosso tempo, e assim por eco, nossas relações definham...
Boa iniciativa a sua; é bom ver alguém usar a internet para trazer à tona assuntos importantes para serem discutidos. É muito útil, mesmo que digam o contrário.

Bruno Costa

Nina disse...

Sou formada em Pedagogia e no começo da faculdade eu queria abraçar o mundo com um sorriso no rosto... Hoje em dia choro de tristeza ao ver o descaso e queria era não só abraçar, mas dar banho, comida e cama pro mundo.... é OSSO!

adenilson disse...

pois é.. .
e só a população pode fazer alguma coisa pra melhoria dessa situação ...
ou ao menos deixá-la menos pior.
se não todos vão ficar como o lula...
ai a concorrência pela presidência vai ser mais acirrada ainda.

parabens pelo blog
espero retornar mais vezes e ele num tm nada d inutil naum viow


www.bagageirodocurioso.spaceblog.com.br

tá convidada a ir lá ....q tm 9dade
apokspaoskpaos.
abraço, sucesssooooo e bom feriadim!

Camila! disse...

Educação que deveria ser uma prioridade, não é nem um pouco levada a sério!

www.contando-um-conto.blogspot.com

Suellen Nara disse...

A Educação está um verdadeiro caos.
Para a situação melhorar, as pessoas teriam que mudar seus hábitos e costumes tanto com elas mesmas quanto com as pessoas em que convivem em casa na rua ou na escola.

Acredito que na escola só se lidam com a aprendizagem intelectual e técnica, e por isso as crianças crescem um tanto mal educadas.

Rafael Silveira disse...

Educação é realmente uma parada complicada de se falar.
O Governo diz que investe milhoes e milhoes, mais nunca se vê tal educação.

É bem como você disse, pais e mães bem de vida, colocam toda a responsabilidade de educação em cima de professoras, que ganham seu mísero salario, que muitas vezes não cuidam direito de seus próprios filhos, para cuidar dos filhos dos outros...
Eita, o Espirito Luís Carlos Prates está subindo pra cabeça...

SpokapsokPOASKpoKDPOAJ

Feh X3 disse...

Oi!
Bom a Educação é um problema muito importante a ser discutido, em relação ao governo eles só falam, porque é mais fácil do que fazer algo, como todos falam um pais só vai para frente se tiver uma boa educação pra sua nação . E em relação aos pais como você colocou eles são os mais importantes na educação de seus filhos, é não importa a classe que sejam.

Adorei =*

Postar um comentário

Escrevo o que quero, sem medo de ouvir o que não quero.